Lâmpadas de Moto. Diferenças básicas

Lâmpadas de Moto. Diferenças básicas

Potência. Esta é a diferença. Assim como o motor e tamanho, a lâmpada de moto também é menor dentro daquilo que ela foi projetada. As Lâmpadas de farol são as mais diferentes. Tem praticamente a metade da potência das lâmpadas dos automóveis. A de moto é de 35/35 Watts, alto e baixo. Já as dos carros são de 65/55, alto e baixo, podendo chegar até 100/90 Watts, mas essas já estão proibidas até de fabricar.

lamapada de moto

Apesar disso, os encaixes são praticamente os mesmos, o que pode permitir uma troca de lâmpadas de carro com as de motos, e vice-versa. Mas não é uma boa ideia, além de ser proibido nos dois casos.

Mudança de potência.

As consequências são óbvias: aumento de caloria, superaquecimento do farol, do seu vidro, ou plástico, espelho e tomada. Esta última chega a derreter.

Além disso, existe o gasto maior de energia, o que vai danificar o magneto (se houver) e vai acontecer uma sensível diminuição da vida útil da bateria. Ou seja: tudo é proporcional. As demais lâmpadas de uma moto são, na maiorias das vezes, iguais as dos carros. Na dúvida confira e compare a potência que vem gravada nas lâmpadas.

Please follow and like us:

This article has 3 Comments

    1. Olá cristiano. Seria bom vc pesquisar sobre a legalidade das lâmpadas brancas. Aqui em BH os ficais de trânsito são bem rígidos e não permitem o uso, aplicando multas. Mas algumas fábricas top de linha fabricam lâmpadas especiais e dentro da lai. Procure se informar disso no sites da Philips e Osram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *