Falar de bateria estacionária é algo que foge do assunto sobre automóveis, embora seja uma bateria parecida. Mas já observamos alguns carros usando bateria estacionária, algo feito por decisão do dono do carro. Uma loja de baterias não vende baterias estacionárias para veículos, mas para outras funções. Funciona em carros? Sim. É adequada? Nesse post vamos explicar as diferenças e possíveis defeitos que podem acontecer ao usar uma bateria estacionária em veículos.

Bateria estacionária – Para o que serve?

O próprio nome esclarece algo sobre o assunto. Uma bateria estacionaria foi fabricada para trabalhar fixa, sem se mover ou ser movida. É feita de chumbo/ácido, como as baterias comuns, mas fica o tempo todo ligada em uma fonte ou carregador de baterias. São usadas em acessórios estacionários, como nobreaks, alarmes, luz de emergência, etc. Recentemente os sistemas modernos de energia fotovoltaica (energia solar) usam bateria (s) estacionária (as).

bateria estacionária

Os terminais de uma bateria estacionária são diferentes de uma bateria de carro

Em uma bateria estacionária parte de seu componentes internos (eletrólitos) ficam cobertos por uma manta de fibra que protege a bateria de uma situação conhecida como ” estratificação do eletrólito” que destrói a bateria por dentro quando ela fica o tempo todo parada – ou estacionada. Fica óbvio que uma bateria comum – sem essa proteção – está em constante movimento interno de sua solução. Isso acontece quando o carro se movimenta, misturando sua solução que contém eletrólitos líquidos. Ou seja: ela fica quimicamente homogênea ou misturada da forma correta, e por isso não se danifica.

Carga da bateria estacionária

Uma bateria de carro, ou outro veículo, precisa de carga rápida por ser usada por um curto período diário. Por isso um carro precisa ser ligado para manter a bateria carregada. Caso contrário, um carro que fica mais parado pode descarregar a bateria em poucos dias.

VEJA AQUI O QUE PODE DESCARREGAR SUA BATERIA!

No caso de uma bateria estacionária, a carga é constante, dia e noite. É assim porque elas precisam estar com 100% da sua carga para ser usada quase sempre em uma emergência. Uma bateria comum recebendo carga constante como essa vai estragar, ou sofrer uma sobrecarga, “secando” por dentro como dizem no mercado.

Podemos usar uma bateria estacionária em um carro?

É possível, mas não é aconselhável. Principalmente se for a bateria central ou principal do carro. Ela pode descarregar com mais facilidade para o momento da partida. Além disso, usa terminais diferenciados e também pode ter medidas diferentes de tamanho. Mas ela pode ser usada em separado, sem ligar no circuito do carro, para som, por exemplo. Lembrando que ela não é  de Gel que são baterias especializadas para sistemas de som.

Você precisa de um seguro de automóvel que seja bom, eficiente, mas que não custe os olhos da cara? O Mãos ao Auto tem uma parceria com a Espínola Corretora de Seguros, que tem anos de experiência e trabalha com os principais seguros do mercado - e garante preços muito bons. Para fazer um orçamento, basta clicar aqui e preencher esse formulário. Nós encaminharemos seu pedido para a corretora, que entrará em contato trazendo a melhor oportunidade para você.

Please follow and like us: