No caso de precisarmos de uma vistoria Detran basta levarmos o carro até o órgão? Talvez não! O que podemos fazer para não levar “bomba” em uma vistoria do Detran? Sim, isso pode acontecer. Desde uma lâmpada queimada, até pneus que parecem em boa situação, podem reprovar seu carro em uma vistoria. Não estamos falando de inspeção veicular. Isso é outra assunto que envolve uma vistoria até na parte mecânica, incluindo poluição do motor e suspensão do carro. Nesse post damos dicas simples que qualquer motorista pode fazer para comparecer no Detran com seu carro preparado conforme pede a legislação.

 vistoria detran

Inspeção veicular é mais completa e rígida

Fila na vistoria do Detran

Uma coisa desagradável é certa de acontecer em uma vistoria Detran: fila. A demora pode variar de cidade para cidade, mas é sempre algo chato ficar em uma fila. Alguns despachantes junto ao Detran oferecem seus serviços onde o carro é levado por eles na inspeção, e qualquer defeito – apurado por uma avaliação deles – é sanado. Evidentemente que isso tem um custo, além das taxas exigidas pelo serviço pedido ao Detran. Para quem não gosta de fila e não tem tempo para resolver possíveis imprevistos, contratar um Despachante de confiança é uma saída.

 vistoria detran

VEJA AQUI VALORES DE TAXAS DO DETRAN DE SÃO PAULO

Veja abaixo uma lista do que podemos verificar em nosso carro antes de uma vistoria do Detran:

  • Lâmpadas. Todas, principalmente as externas, devem funcionar adequadamente. Uma maneira de testar é com ajuda de um parente ou amigo. Sente no banco do motorista e ligue os sistemas de lâmpadas uma por uma. Faróis, setas (pisca alerta também). Verifique a luz de placa, freios e faroletes. Pisca alerta também. Tudo tem que funcionar e ser testado ao mesmo tempo. Muitas vezes a seta pisca, mas apaga quando se pisa no freio. É o chamado defeito de aterramento na tomada da lanterna. É fácil de resolver.
  • Pneus. Não basta ter pouco uso. Além de estar em boas condições pode ser que o inspetor examine a data de validade. Ela fica gravada no pneu. Troque os pneus com a avaliação de uma firma de confiança.
  • Palhetas do limpador. Na dúvida, ou se for peça antiga, troque as palhetas. É barato, fácil de instalar, e que também passa pela inspeção.
  • Insulfilm. É a película instalada pra escurecer os vidros. Se estiver fora dos padrões a vistoria vai exigir a retirada.
  • Lâmpadas de novo. Desta feita somente dos faróis. Para evitar dor de cabeça use as lâmpadas originais. Super brancas e leds nos faroletes podem não passar na vistoria. No caso de lâmpada Xénon é permitido somente se for original de fábrica ou regulamentada no mesmo Detran. Isso vale também para os faróis de milha. O próprio farol tem que estar em bom estado. Ele não pode estar com a lente embaçada ou defeitos internos, como espelho opaco (amarelo mesmo). Uma dica: muitos modelos tem somente uma luz de ré. É permitido por lei.
  • Estepe. Com certeza vão verificar o estado do seu estepe. Muitas vezes um carro nem tem um estepe e o motorista sequer sabe disso. O mesmo vale para ferramentas de emergência como chave de roda, triângulo, e macaco.

Tenha em mente que a vistoria do Detran não é algo desnecessário “somente para complicar” a vida do motorista. Já o retorno pode custar mais. Ela visa uma segurança de trânsito maior, o que envolve vidas. Afinal, o trânsito é de pessoas.