Como evitar um incêndio em meu carro?

Um incêndio qualquer é evitado com manutenções constantes e atenção. Existem leis e regras para isso. No caso de evitar um incêndio no seu carro a situação é a mesma. A obrigação do estojo de primeiro socorros foi extinta (ufa!).  A obrigação do extintor também foi eliminada depois de muita polêmica e vendas de extintores novos. Mas,  por causa da antiguidade da nossa frota de veículos, além de novas tecnologias elétricas/eletrônicas, não ter um extintor é um tiro no pé. 

Porém, a nossa falta de treinamento com incêndios pode o transformar o extintor em “mui amigo”. Portanto obedeça todas as instruções sobre o assunto (mantenha seu extintor em dia) e faça uma revisão não muito comum hoje em dia: revisão elétrica do seu carro. Além disso, existem outros itens que devem ser checados e trocados com regularidade. Veja abaixo.

Dicas de revisão contra incêndio no seu carro

  • Revisão de mangueiras. Quase sempre as mangueiras são negligenciadas quanto a manutenção. O perigo está no que passa dentro delas: combustível altamente inflamável. Nos carros antigos elas ressecavam e quase sempre “pingavam” gasolina em partes quentes ou elétricas. Nos carros modernos elas são mais avançadas, mas também ressecam e furam. A diferença é que o combustível dentro delas está com alta pressão vinda da bomba. Daí basta uma fagulha ou centelha e o fogo começa. Mande checar todas as mangueiras de combustíveis e, na dúvida, mande trocar.

Vistorie as mangueiras e filtros do seu carro, seja novo ou antigo

  • Filtros. Nesse caso são os filtros de combustível. Podemos ter um ou mais. Nos carros Flex temos o da bomba e o do reservatório de partida a frio. Ali é muito comum o vazamento. Mande trocar os filtros nas revisões periódicas e anote a quilometragem e época de trocar novamente. Não viaje com filtros e mangueiras velhas.
  • Uma revisão elétrica periódica é de grande ajuda. Fiação, terminais de bateria e a própria fixação da bateria, devem ser verificados. Ela não pode ficar solta no carro. Fios descapados são um perigo. Também cheque as tomadas dos faróis e o negativo das lanternas traseiras. Nesse caso, o risco de incêndio é menor, mas pode esquentar fusíveis e assustar com fumaça dentro do carro. E o susto pode causar acidentes.

  • Alta-tensão. Vale também trocar periodicamente os cabos de velas, pois ali está a alta-tensão do veículo, ou seja, as centelhas. A maioria dos incêndios acontece assim: uma mangueira velha vaza combustível e um cabo de vela, também velho, solta uma centelha em cima do vazamento. O fogo que acontece dessa mistura é igual ao do fogão de sua casa, imediato. 
  • Por fim, o óbvio: proíba cigarros e produtos inflamáveis dentro do seu carro. Não leve gasolina em vasilhas e dentro do seu carro. Melhor manter o tanque cheio ou com mais combustível. Cigarros podem causar acidentes, além de incêndio dentro da cabine do veículo.

Que tal aprender a dar a manutenção básica no seu carro? Ou até aprender uma nova profissão, a de eletricista de automóveis? O Mãos ao Auto tem uma parceria com a Maik Elétrica Automotiva, e agora oferece um curso 100% online, com alta nota de avalição de quem já fez e com custo de apenas dois reais por dia! Tudo isso na maior plataforma de vídeo aulas do Brasil! Quer ser um motorista melhor e mudar sua vida? Saiba mais: clique aqui e siga o passo a passo.