Fipe Veículos: Por Que os Preços de Seminovos e Usados Valorizaram Tanto desde 2021?

Este artigo foi criado pela equipe InstaCarro para uso exclusivo do blog Mãos ao Auto

carros novos enfileirados

Os valores na tabela Fipe de veículos seminovos e usados aumentou muito nesses últimos anos. E, para quem vende o veículo, isso é ótimo. Porém, para quem compra, nem tanto.

O valor dos carros está inflacionado. Inclusive, carros usados e seminovos bem populares que, antes, conseguíamos comprar com um valor menor, estão com preços disparados — quase o de zero-quilômetros de anos atrás.

Para você ter uma ideia, desde o início da pandemia, os valores subiram quase 20% acima da inflação.

— Mas, por que será que isso está acontecendo?

Continue com a gente e confira alguns motivos da disparada Tabela Fipe.  Vamos lá?

Escassez de Semicondutores

A escassez de semicondutores — materiais utilizados para a condução de correntes elétricas — é um dos motivos pelos quais o preço dos automóveis estão altos.

Afinal, isso fez com que fosse paralisada a produção nas fábricas de carros em todo o mundo.

E, a expectativa é que ainda demore para estabilizar o mercado de semicondutores, pois a fabricação desses componentes é muito complexa.

Além disso, há a falta do maquinário adequado específico e de profissionais especializados na área.

Alta do Dólar

Com o aumento do dólar, as montadoras não conseguiram segurar o preço baixo por muito tempo.

Então, tiveram que repassar essa diferença de valores ao consumidor. Por isso, esse também é outro motivo pelo aumento da Fipe veículos.

Demanda Maior do que a Oferta

Sempre que há mais demanda do que oferta, os preços costumam inflacionar. Assim, entra a lei da oferta e da procura: demanda alta, preços mais altos.

Nos últimos anos, notamos que houve muita procura por carros e poucas soluções para os consumidores.

Então, ainda há muita demanda e pouca disponibilidade de carros novos — consequência da queda da produção.

Sendo assim, como as fábricas pararam a produção devido à falta de insumos, as concessionárias tiveram menos veículos disponíveis para a venda.

Assim, ao invés de adquirir um carro zero-quilômetro, a alternativa para o consumidor foi migrar para a compra de carros usados e seminovos.

Troque o seu Carro com a Ajuda da InstaCarro

miniatura de carros antigos

Para José Maurício Andreta Júnior, presidente da FENABRAVE:

“Como o mercado de veículos novos foi bastante impactado pela crise global de abastecimento de componentes, provocando queda nos estoques das concessionárias, muitos consumidores buscaram opções entre os seminovos e usados”.

Por isso, se você deseja vender o seu carro, agora é um momento bem apropriado para você fazer um bom negócio e ganhar dinheiro. Afinal, precisamos olhar sempre pelo lado positivo pois o seu carro foi valorizado neste período de pandemia.

Então, se você quer vender o seu carro, conte com a ajuda da InstaCarro.

A InstaCarro está revolucionando a indústria de carros usados no Brasil por meio de uma plataforma on-line.

Sendo assim, você consegue vender o seu veículo usado com mais rapidez e total segurança.

Então, a InstaCarro faz a avaliação de mais de 130 itens do seu carro de acordo com seu estado de conservação, quilometragem e tudo mais.

E, a partir dessa análise, mais de 4 mil lojistas irão fazer ofertas por ele. Assim, seu carro será disputado oferta a oferta, valorizando-o pelo o que realmente vale e, após 24 horas, você recebe a maior proposta.

Então, se você aceitá-la, o pagamento é feito de imediato! Ou seja, seu veículo será valorizado e vendido em tempo recorde, com rapidez, segurança e zero burocracia.

E aí, conseguiu entender bem a alta nos valores da Fipe veículos desde 2021?

Aproveite e envie este conteúdo para um amigo que está pensando em trocar de carro. Assim, ele se mantém informado sobre o assunto.

Fonte das imagens: Pexels