Tecnologia e o celular: um perigo a mais ao dirigir

O surgimento de novas tecnologias é sinal de mudanças boas, tanto como conforto, maior facilidade de acesso, e até aumento de renda de uma família. Mas existe o lado negro da tecnologia. Ela pode implicar em mudanças de hábitos que podem ser perigosos ou aumentar o perigo de certas situações. É o que tem acontecido com o uso dos celulares.

É de conhecimento geral o grande risco de acidentes que o uso errado de celular causa no trânsito. Além de multas e pontos na carteira, vidas estão em risco. A multa é de 293,47 reais (sujeito a alterações) e sete pontos são perdidos na carteira de habilitação. Um dado novo é que motociclistas também estão sofrendo acidentes por usar o celular no trânsito.

Aplicativos distraem os motoristas

Não é somente uma chamada de telefone que pode provocar acidentes. Os aplicativos passaram a ser mais usados e muitos demoram segundo para abrir, como no caso do Facebook. Em alguns casos o volante é abandonado, com as mãos e o olhar sendo desviados para a tela do celular.

Imagem: Pinterest

O mesmo vale para pedestres. Como assim? Os riscos de atropelamentos também aumentam por causa do uso de celular ao andar e atravessar ruas. Isso confirma a frase que : “o trânsito é de pessoas”. Somos nós quem decidimos, tomamos atitudes no trânsito, jamais os carros e celulares.

Os números assustam. Uma simples chamada de telefone triplica as chances de acidentes. O mais impressionante é que a maioria dos “usuários”de telefone ao dirigir faz múltiplas ações no aparelho, incluindo suas redes sociais. E mesmo a presença de outros no carro, como caronas e até filhos, não muda a atitude dos motoristas. E o risco é consciente. Nesse caso o risco é assumido.

Velocidade é uma medida perigosa em todos os sentidos. O aumento de velocidade enfrenta forças da natureza, o que implica na necessidade de muita energia. É uma potência que também requer recursos poderosos para diminuir a velocidade. No caso de parada súbita, que é a necessidade maior na situação de distração ao volante, o espaço sempre será mínimo. As chances de acidentes são enormes.

O que podemos fazer?

Criar hábitos pessoais. Devemos buscar informações, nos importa com a segurança de todos e por em prática a direção defensiva. Para evitar qualquer uso do celular ao dirigir a melhor opção é deixar desligado em local longe de nossa vista. Mesmo o uso de celular via rádio pode ser perigoso. O uso profissional do GPS deve ser cuidadoso, seguindo as instruções do fabricante e as leis de trânsito.

Quer participar da conversa? Faça um cafezinho,  puxe sua cadeira, se aproxime da tela e do teclado. Comente a vontade. Sugestões construtivas sempre ajudam!

Please follow and like us:
Tecnologia e o celular: um perigo a mais ao dirigir Novas tecnologias não diminuem os acidentes"> Share