Como funciona um carro alegórico?

Carro é carro. O Mãos ao Auto pesquisa todos os tipos de veículos que existem, mesmo os mais estranhos. Afinal qual carro não surpreende? Todos tem algo que arrancam pelo menos um sorriso de um observador. O que dizer então dos carros alegóricos? Sim, os carros que desfilam em carnavais de escolas de samba são alegóricos por fora, como se fosse uma fantasia escondendo um veículo espetacular por dentro.

Como funciona um carro alegórico?

Por mais estranho que possa parecer, um carro alegórico precisa de um motorista como qualquer outro. Aliás, um piloto, pois dirigir um carro assim requer ter perícia para aquela que talvez seja a corrida mais lenta do mundo!

Cacá Bueno "pilotando"um carro alegórico. (Foto: Felipe Siqueira)
Cacá Bueno “pilotando” um carro alegórico. (Foto: Felipe Siqueira)

Embora sejam chamados  de carros, eles são construídos em cima de um chassi de ônibus ou de caminhão. O aumento do tamanho das alegorias exigiu, com o tempo, que “tamanho realmente fosse documento”, transformando ônibus e caminhões em verdadeiros gigantes. Mas o aumento não limitou-se ao tamanho do chassi. Alguns carros alegóricos recebem um aumento de estrutura de até 60% a mais do tamanho de um ônibus ou caminhão.

Já na mecânica, os especialistas reforçaram a suspensão para suportar o enorme peso extra que um carro alegórico costuma transportar. Quanto a tração, houve um avanço de séculos. Pode-se dizer que os carros alegóricos saíram da época da idade da pedra (literalmente dos Flintstones), deixando de usar a tração humana, pernas e braços de pessoas que empurravam o carro nos desfiles. Tudo isso motivado por regulamentos que proibiam os carros alegóricos de usarem motores reais e modernos. Mas como regulamentos sempre mudam, não seria de se admirar que depois de escrito este post tudo tenha se modificado novamente.

O que importa é o que já foi experimentado, o que já equipou estes fantásticos carros em seus desfiles.

Pois até motor a diesel já desfilou pela Sapucaí e outras praças que acontecem desfiles. Grandes montadoras costumam patrocinar tais desfiles, o que deve implicar, também, em ceder alguma forma de tecnologia, ou até mesmo motores para alguns carros alegóricos. Mas isso é uma hipótese. De fato, existe no meio de Escola de samba o costume de segredo absoluto  de suas “tecnologias”, o que também envolve a mecânica dos carros alegóricos. “Segredo guardado a sete chaves!” disse um dirigente do setor.

segredo-escola-de-samba

Mas quando olhamos a foto do Cacá Bueno pilotando um carro desses, percebemos  a simplicidade da mecânica e a pouca visibilidade que o motorista tem. Com certeza a direção é hidráulica, ou seria impossível dirigir um carro com mais de 15 toneladas de peso. Empurrar não deve ser muito difícil, pois o que não falta é voluntário para isso (conhecidos como “merendeiros”em São Paulo).

Quando usam um chassi de ônibus ou de caminhão, os engenheiros (sim, eles existem nesse meio) preservam também a direção, caixa de marcha, e as vezes os pedais e o volante. Outras tecnologias serão, ou já estão, incorporadas, como GPS e mídias poderosas que devem facilitar a pilotagem desse engenho, embora tudo dependa do tal regulamento das escolas de samba. Mas vale lembrar que as escolas são avaliadas na questão do tempo do desfile e harmonia , entre outros. A parte elétrica do carro deve ser mantida também, como alternador e luzes internas. Mas é de conhecimento que eles transportam um gerador de energia a diesel para suportar a parte elétrica das alegorias.

É sem sombra de dúvidas uma veículo fantástico, que sofre mudanças constantes e sempre surpreendendo tanto o público, como os aficionados por carros.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *